Turismo en Argentina
Buscar informacion
Informacion del pais
Presidencia Roque Saenz Peña
 
   Resistencia
   Roque Saenz Peña
 
   4 x 4
   Atividades Aereas
   Atividades Náuticas
   Cavalgadas
   Caminhadas 
   Caça
   Pesca
   Alpinismo
   Mountain Bike
   Parapente
   Rafting
   Sauna-Spa
   Trekking
 
   Campo de Golfe
   Pistas de Esquí
   Vinhos Argentinos
   Tursimo Campestre
   El Tango  
   Trems Turísticos
   Predios Jesuiticos
   Parques Nacionales
 
Para o Parque Pampas Provincial do índio
Fauna en Parque Provincial Pampa del Indio
 
Fauna en Parque Provincial Pampa del Indio
 
Fauna en Parque Provincial Pampa del Indio
 
Flora en Parque Provincial Pampa del Indio
 
 
Flora en Parque Provincial Pampa del Indio

 

 

Opção para saber o chaqueño de floresta, longe de centros urbanos onde você residiu a fauna selvagem mais variada.

Viagem de 93 km de Presidencia Roque Saenz Peña para o Parque, com 67 km pavimentar-dois e 26 km de terra. Leve piquenique e o proveja de combustível para a saída da cidade, porque não há serviços na estrada.

 

Deixe para Presidencia Roque Saenz Peña para o leste para o RN16. No cruzamento com o RN95 (km 0) há uma estação de serviço. Continue ao leste para o RN16 e, no km 18, levam o RP4 à esquerda isso levará isto para Pampas Verdes (km 67). De lá a estrada é de agora em diante de terra, cercar-faça de uma vegetação mais copada, até chegar no km 93 ao Parque Pampas Provincianos do índio,

 

Parque Pampas Provincial do índio

 

Fica situado no subregión denominado de tidelands, canhões estreitos e florestas de ribeira. Na área alta, ondulada, a savana de espartillo prevalece com ceibos e tatané. Profundamente nas terras altas lagunas circulares ou elípticas são abundantes, com pouca vegetação pantanosa ou sem ela. O fundo das depressões está ocupado por uma savana de gramas tenras e elementos lenhosos entre esses que domina o caranday de palma . Nos terraços fluviais há formações de florestas em galeria caracterizada por massas arbóreas ricas em tánicas de madeira. A ausência de explorações de floresta e a pouca densidade dos centros urbanos imediatos permitiu a preservação da flora e o radicación de fauna selvagem abundante.

 

Vegetação

 

Floresta alta Inclui quebracho vermelho e branco, itín ou carandá, gafanhoto, guayacán, que pica com espinhos de coroa, guaraniná, guayaibí branco, saucillo e mistol.

Florestas em galeria Neles são possíveis achar espécies macias como de vara apressa, guayaibi branco e timbó branco, além de gafanhoto, lapacho e ivirá-pitá.

Sotobosque é conformado por ñangapirí, guayabo, poda branca e guiadora, molle, duraznillo, você fraude, cardones e grandillo de palma.

 

Fauna

 

Pode ser puma, luff de gato, gato montês, diluirá guazú, tatú acarretam, mulitamataco de tatú ou tatú bola-cabeludo, ocua de iguana, coatí, nandu, perdizes (a menina vermelha e do monte), charata, pacaá, papagaio comum, papagueiam, pombas (tacsa, médio, comum), azul (mosa, branco), chiflón, real tero, cegonha, coruja, coruja, pescador de kingfisher, tucano, pássaro carpinteiro cinzento, cardeal, cowherd e, entre o ones de ophidian, mesurana, lampalagua, yarará, sino, coral e falso yarará.

O Parque é caracterizado por uma característica muito estranha: o tacuníes, construções de térmitas em áreas grandes do território que faz muito difícil qualquer tráfico, enquanto criando ups marcado e abaixa. O tamanho do tacurúes varia entre 30 e 70 cm de alto, com ao redor 40 diâmetro cm.

Viajoporargentina - Información turística sobre la República Argentina
© 2003- Prohibida su reproducción total o parcial. Derechos de Autor 527292 Ley 11723